BIG BAND DE TOMMY DORSEY

Em 1935, os irmãos Tommy e Jimmy separam-se. Jimmy herdou a Dorsey Brothers Orchestra intacta, enquanto Tommy formou a própria corporação musical, contratando músicos da banda de Joe Haymes da cidade de Detroit. A partir daí, com o vínculo discográfico da gravadora RCA Victor, na subsidiária Bluebird Records, Tommy iniciou as atividades ainda influenciado pelo “estilo dixieland”, que paulatinamente, vai abandonando ao partir para a melhoria na qualidade musical através de arranjos bem elaborados. O trombone de Tommy emitia som suave e harmonioso, principalmente em baladas. Líder exigente e disciplinador, colocou a orquestra entre as melhores da era do swing. Thomas Francis Dorsey Junior, nasceu a 19 de novembro de 1905 em Shenandoah-Pennsylvania e faleceu aos 51 anos no dia 26 de novembro de 1956. Tommy Dorsey ficou conhecido como “o cavalheiro sentimental do swing”
Um dos maiores vultos da música popular norte-americana e do jazz do século XX.

RAY CHARLES

Ray Charles Robinson, pianista, saxofonista, compositor, arranjador e cantor, conhecido no mundo musical como “The Genius”, ficou cego aos 10 anos de idade. No entanto, conseguiu através da música superar as dificuldades, ao alcançar sucesso e reconhecimento como cantor e pianista apresentando-se em todos os quadrantes do mundo. Um verdadeiro superstar. Ray Charles nasceu a 23 de setembro de 1930 em Albany-Georgia e faleceu a 10 de julho de 2004 em Beverly Hills-Los Angeles aos 73 anos. O enorme acervo discográfico foi gravado nas etiquetas Atlantic Jazz, ABC Paramount e Warner Brothers Records, entre outras. Voz roufenha, timbre característico e interpretações pungentes, eis os predicados vocais de Ray Charles.