Trombonista, compositor, arranjador e bandleader, Ray Conniff estudou na famosa Jiulliard School of Music em Nova York. Antes de se tornar respeitado chefe de orquestra, foi trombonista e arranjador das bandas de Bunny Berigan, Bob Crosby e Artie Shaw. Após participar das forças armadas na segunda guerra mundial(1938-1945), em 1946, faz arranjos para o trompetista Harry James, enquanto procura uma fórmula para alcançar êxito em gravações de discos até 1954, quando é contratado pela gravadora Columbia. Em 1956, ao lançar o álbum ‘S Wonderful com uma harmonização de vozes e instrumentos por ele idealizada, o sucesso foi vertiginoso. Calcula-se que a orquestra gravou aproximadamente 120 álbuns, todos campeões de vendas. Conniff se apresentou no Brasil durante mais de 20 anos, com uma legião de fans em todos os lugares onde a orquestra se apresentava.

Joseph “Joe Williams” Goreed, cantor negro baixo-barítono, atuou com destaque na Black Band do pianista Count Basie entre 1954 e 1961, antes de ir para a carreira solo. Ele teve presença constante nos mais importantes festivais de jazz como o Newport Jazz e o JVC Jazz Festival. Joe esteve se apresentando no Brasil nos anos 1980 e o acervo fonográfico foi realizado nos selos RCA Victor, Delos, Verve e Roulette. Joe Williams faleceu no dia 29 de março de 2000, aos 80 anos, na cidade de Las Vegas onde residia.

Diana Krall é a mais destacada cantora de jazz deste início do século 21. Nascida na cidade de Nanaimo-Columbia Britânica no Canadá a 16 de novembro de1964. Exímia pianista de jazz e possuidora de voz suave e afinada, tem gravações nas etiquetas Impulse, Justin’ Time, GRP e, desde 2002, contratada exclusiva da Verve Records. Diana faz periódicas temporadas no Brasil
onde conquistou uma legião de admiradores, inclusive com gravações de bossa nova.

BIG BAND DE RAY CONNIF
01- 3:10- Anything Goes. Composição de Cole Porter
Gravação “ao vivo” em Tóquio-Japão, no dia 11 de dezembro de 1991.
02- 2:23- ‘SWonderful. George e Ira Gershwin sãos os compositores.
02- 3:12- I Get A Kick Out Of You. Cole Porter compos este tema.
Gravações do ano de 1956, realizadas nos estúdios da Columbia Records.
Arranjos, orquestra e coro de Ray Conniff.

BIG BAND DE RAY CONNIFF
04- 2:32- Rosalie. Novamente comparece Cole Porter como compositor.
05- 3:01- All The Things You Are. Composição de Jerome Kern e Oscar Hammerstein II.
06- 2:09- Alexander’s Ragtime Band. Irving Berlin é o compositor.
Destaque para o trompetista Billy Butterfield, em gravações do ano de 1960.
07- 2:54- Brasil(Aquarela do Brasil). Composição de Ary Barroso.
Gravação “ao Vivo” em Toquio-Japão, no dia 11 de dezembro de 1991.
Gravadora Columbia Records.
Arranjos, orquestra e coro de Ray Conniff.

J O E W I L L I A M S
08- 2:22- Thou Swell. Composição de Richard Rodgers e Larry Hart.
09- 3:08- I’m Begining To See The Light. Duke Ellington, Don George, Johnny Hodges e Harry
James são os compositores.
10- 3:41- Our Love Is Here to Stay. Os irmãos Gershwin, George e Ira são com autores.
Vocais de Joe Williams, em gravações do ano de 1957.
Etiqueta Verve Records.
Com a Black Band de Count Basie.

D I A N A K R A L L
11- 2:40- Este Seu Olhar.Composição de Tom Jobim. Diana canta em português.
12- 3:52- So Nice(Samba de Verão). Marcos e Paulo Sérgio Valle são os compositores.
Versão para o inglês de Gene Lees.
13- 4:45- Quiet Nights(Corcovado). Tom Jobim é o compositor e Gene Lees fez a versão em
Inglês.
Vocais e piano de Diana Krall. Arranjos e condução da orquestra pelo maestro
Claus Orgeman. Gravadora Verve Records em março de 2009. No balanço da
Bossa Nova.