BIG BAND DE JIMMY DORSEY

James Francis (Jimmy) Dorsey, sax-alto, clarinetista, compositor e bandleader da era do swing. Após a separação dos irmãos Dorsey, Jimmy herdou a banda intacta e seguiu seu caminho. A orquestra sempre esteve entre as mais queridas e populares, chegando,em certas ocasiões, a ultrapassar em prestígio a do mano Tommy. Líder querido por seus músicos, teve sob seu comando, entre outros, os trombonistas Bobby Byrne, este um jovem de 17 anos que teve a difícil tarefa de substituir o magnífico trombone de Tommy e saindo-se muito bem, além dos também trombonistas Shorty Sherock , Sonny Lee e Si Zentner. Herbie Haymer e Skeets Herfurt sax-tenores, Charlie Teagarden, “Tutti’ Camarata e Nate Kazebier ao trompete, o guitarrista Rock Hillman e na bateria Ray McKinley. Como vocalistas, uma dupla fora-de-série, Bob Eberly e Helen O´Connell, além de Bob Carroll. Jimmy Dorsey, uma figura notável da música popular norte-americana da era do swing. Em apresentações públicas o tema da orquestra “So Rare”, abria o show com Jimmy ao sax-alto mostrando sua destreza incomum. Jimmy Dorsey nasceu na cidade de Shenadoah-Pennsylvania no dia 29 de fevereiro de 1904 e faleceu aos 53 anos, em New York City a 12 de julho de 1957, vitimado por um câncer.

DINAH SHORE

Frances Rose (Dinah) Shore nasceu na cidade de Winchester-Tennessee a 29 de fevereiro de 1916. O nome artístico, foi adotado porquê nas festinhas escolares ela sempre iniciava as apresentações com a canção “Dinah”, sua predileta e os colegas passaram a chamá-la por esse nome. Dinah iniciou carreira com apresentações no rádio. Em 1938, após ser contratada para apresentações no Strand Theater em New York, tem a oportunidade de gravar com a orquestra latina de Xavier Cugat, fazendo o primeiiro registro fonográfico a 12 e junho de 1939 na gravadora RCA Victor. Em 1940, é estrela da rede de rádio NBC (National Broadicasting Company). Nos anos 1950, firmaou-se como grande personalidade na televisão ao liderar com desenvoltura e inteligência programas de entrevistas e musicais. O extenso acervo, foi gravado, além da já citada, nas etiquetas Capitol e Columbia Records. Dinah Shore faleceu a 24 de fevereiro de 1994, aos 78 anos em Beverly Hills-California.

FRANK SINATRA

Francis Albert (Frank) Sinatra, nasceu na cidade de Hoboken-New Jersey a 12 de dezembro de 1915. Nesta edição, apresentaremos Frank Sinatra em gravações realizadas nos estúdios da Capitol Records, consideradas pela crítica especializada como a melhor fase vocal e discográfica do cantor do século XX. Apoiado pelos melhores arranjos e renomados maestros, gravou mais de 250 temas entre 1953 e 1960. Após deixar a Capitol, fundou a própria gravadora a Reprise Records. Calcula-se que ele , entre registros em estúdio, programas de rádio, apresentações na televisão e shows pelo mundo, tenha alcançado a cifra de mais de 1500 registros gravados. Outra faceta de seu talento, como ator em Hollywood e ganhador do “Oscar” da Academia por seu desempenho na película, como ator coadjuvante, em “A Um Passo da Eternidade”. Sinatra faleceu em Los Angeles-California no dia 14 de maio de 1998, aos 82 anos. Vamos ouvir o que há de melhor “dos velhos olhos azuis”. Agora é só sentar, relaxar e ouvir.