BIG BAND DE HAL McINTYRE

Harold (Hal) McIntyre , sax-alto, teve grande destaque na orquestra de Glenn Miller. Em 1941, organizou sua big band com ajuda financeira de Miller. Iniciou a jornada com apresentações nos sofisticados salões da baile Glenn Island Casino de New Rochelle (NY), Meadowbrook em New Jersey e Hollywood Palladium em Los Angeles. Hal, foi o primeiro bandleader a se apresentar para os soldados norte-americanos acantonados na Europa durante a segunda guerra mundial (1939-1946). O acervo discográfico foi realizados nas etiquetas RCA Victor, Hindsigth e Cosmo Records. A banda teve presença em importantes programas radiofônicos transmitidos pela Mutual Network e contou com bons vocalistas como: John Turnbull, Ruth Gaylor, Penny Parker, Jeanne McManus , Gloria Van e Helen Ward. Hal McIntyre nasceu na cidade de Crownwell-Connecticut e faleceu vítimado por um incêndio no prédio em que residia no dia 05 de maio de 1959, em Los Angeles-Califórnia, aos 44 anos. Ouçam o belo som da orquestra e os excelentes solos de sax-alto por Hal McIntyre.

THE INK SPOTS

O grupo original era constituído por Jerry Daniels tenor-líder e guitarrista, Orville “Hoppy” Jones baixo, Charlie Fuqua barítono e guitarrista e Ivory “Deek” Watson barítono, no início dos anos 1930. Em 1936, Bill Kenny substituiu Jerry Daniels como tenor-líder. Um anos após o quarteto alcançou o sucesso, vendendo mais de um milhão de cópias de discos com o tema “If I Didn´t Care”. The Ink Spots estiveram ativos entre 1934 e 1954, com presença em programas de rádio e apresentações públicas por todos os quadrantes dos EEUU e Canadá. A discografia foi gravada nas etiquetas RCA Victor, Decca e Vocalion Records. O conjunto vocal negro The Ink Spots, influenciou todos que apareceram depois dele , sejam brancos ou negros.

B I L L I E H I L I D A Y

Nascida em Baltimore-Maryland no dia 07 de abril de 1915, Eleonora Fagan, ficou conhecida no mundo musical como Billie Holiday. Foi considerada pela crítica como a mais sensível das cantoras norte-americanas. Ela começou a cantar profissionalmente e casas noturnas do Harlem e foi descoberta pelo produtor musical John Hammond . Entre 1935 e 1941, Billie gravou aproximadamente 150 temas que entraram para a história do jazz, acompanhada pela big band do pianista Teddy Wilson. Entre os componentes da banda, só “gente da pesada” como: Buck Clayton e Roy Eldridge trompetistas, Johnny Hodges sax-alto, Jo Jones baterista, Walter Page contrabaixista, Lester Young e Ben Webster sax-tenores. A extensa discografia foi gravada nos estúdios da Brunswick, Columbia, Decca, Commodore e Verve Records. Billie faleceu com apenas 44 anos, após uma longa dependência de bebidas alcoólicas e drogas pesadas no dia 17 de julho de 1959 em New York City. Uma intérprete para ser ouvida com muita atenção e carinho.